Wednesday, May 17, 2006

Como eh o seu amor?

Eu sempre fui uma romantica inveterada. Quem me conhece um pouquinho sabe disso muito bem. Desde a adolescencia sonhei com a ideia do amor. Sim, com a ideia. Naquela epoca, com 12, 13 anos, o amor era soh uma ideia. Existia o sentimento dentro de mim, isto sem duvida alguma, e ao longo dos anos esse sentimento foi projetado em muitas, muitas pessoas diferentes. Paixoes fulminantes, casos complicados, namoros cheios de altos e baixos, noites alucinantes, manhas desastrosas, romances rapidos, demorados, complicados, simples, engracados, improvaveis, curiosos, a ateh tragicos. Pessoas que passaram pela minha vida e nas quais projetei a ideia daquele amor que sempre carreguei comigo, e que acredito que todos, todos os seres humanos tambem carregam dentro de si. Pessoas, coitadas, que nao tinham a menor ideia do que eu queria dizer. Porque elas tambem, tinham uma ideia de amor dentro de suas cabecas (ou do seu coracao) que nao tinha nada a ver com a minha ideia. E de diferentes ideias muitos amores foram desfeitos.
Quando encontrei o Nick a minha ideia de amor tinha se desfeito. Tinha apagado tudo que entendia por amor e jogado fora.Eu estava muito cansada. Naquele ponto exato eu tinha aprendido uma coisa muito seria. Que ao amor que a gente tem inato, ao amor que Deus colocou no coracao da gente, precisa ser dada uma forma. Porque assim como temos formas diferentes, nosso amor tambem. E ele, precisa ser escolhido. Eh preciso parar e entender que tipo de amor a gente estah procurando, para que assim a forma deste amor possa se encaixar com a forma de amor que a outra pessoa tem.
Todo mundo estah cheio de amor para dar. Todo mundo estah procurando desesperadamente receber. O amor eh um soh. Um sentimento inexplicavel e maravilhoso que nao pede nenhuma descricao aqui. O meu amor nao eh diferente do seu. Mas a forma como eu quero que este amor aconteca na minha vida provavelmente e muito diferente de cada uma das pessoas que possam ler este texto (e se eu estiver certa, eh exatamente o mesmo tipo de amor que o Nick escolheu).
Antes de conhece-lo, dias antes, eu estava olhando para o mar e pensei exatamente em como eu esperava que o meu amor fosse. Nao fisicamente, mas o que eu esperava daquele amor. O que eu queria que ele me desse e, principalmente, o que eu estava disposta a dar por ele. Pensei seriamente, desejei seriamente e mais do que isso, eu disse para minha mesma: se este amor nao vier assim, ele nao serah o que eu estou procurando.Chega!!! Eu nao vou ficar com o amarelo se estiver procurando o azul, soh porque o amarelo chegou primeiro. Soh porque eh mais bacana, mais facil, mas disponivel, mais...
Sim, estou compartilhando algo muito intimo porque me sinto na obrigacao de dizer para todos aqueles que ainda estao procurando, e sei que nao sao poucos, que para se ter este amor verdadeiro eh preciso conhece-lo, pensar nele, senti-lo, antes de acontecer, para que no dia que aconteca voce possa reconhece-lo. Senao eh uma cabecada depois da outra eu eu posso dizer isso com toda autoridade do mundo. Porque passei a maior parte da minha vida me dedicando a isso. Eh preciso desvincular o amor que estah dentro da gente e separa-lo do outro, da pessoa com quem se pensa estar, e conseguir ter uma visao do amor antes de encaixa-lo naquela pessoa. Pensar no que se precisa, por que se precisa, do que realmente precisa, com toda a sinceridade que soh voce com voce mesmo pode ter. Depois disso fica muito mais facil encaixa-lo em alguem. Ou ter certeza de que aquela pessoa com quem se estah no momento nunca vai te dar aquele amor do jeito que voce quer e nao ha nada de mal nisso. Eh muito facil culpar o outro por nao estar de dando aquilo que ele ou ela nao tem condicao de dar. Porque provalemente a ideia de amor daquela pessoa nao eh a mesma que a sua. Mas eh burrice continuar insistindo, porque pelo que eu vi ateh hoje hoje as pessoas nao mudam a ideia do amor que desejam. Nao dah para dizer: "por favor, me ame do jeito que eu quero que voce me ame e nao do jeito que voce quer amar." Nao funciona assim.
Bom, por enquanto eh isso.
Se este amor que chegou para mim eh eterno, soh a eternidade vai me dizer.Mas ele eh real, verdadeiro, pleno, absoluto, exatamente como eu desejei.E me faz maravilhosamente bem. Ateh um pouco ridicula, de vez em quando. E eh este o amor que eu desejo a todos os meus amigos. Porque eu nao seria amiga se desejasse para voce menos do que isso.Mas se voce estiver desejando outro tipo de amor, tem todo o meu apoio. O importante eh saber reconhecer o que voce quer.
Um beijo para todos

3 Comments:

Anonymous gus said...

teamo

10:25 AM  
Anonymous Débora said...

Nossa Ju, palavras sábias...Acho que é isso mesmo que acontece, também amadurecemos nossa noção de amor...E quando encontramos é muito melhor!Beijos cheio de saudades!

11:02 AM  
Anonymous ricardo said...

Quando a gente quer muito uma festa é só arrumar a casa que os convidados começam a chegar. Assisti o pra lá de bagda rs. Rio muito com algumas cenas e quase chorei de odio em outras rs. Bom. Decidi sumir desse lugar chato e subdesenvolvido. Se souber de algo mais proximo de BH, tipo brasilia, sul e adjacencias me avisa vou deixar o link do meu portfolio aqui. Bjao e muitas saudades. http://squealer.blogspirit.com/album/portfolio/page1/

8:06 AM  

Post a Comment

<< Home

online blackjack
free counters